Como cultivar Pera-melão com sucesso na sua horta

Pera-Melão- Solanum muricatum

Quem já provou pera-melão (Solanum muricatum) sabe que é difícil caracterizar o sabor peculiar. Por vezes, desperta sentimento confusos de amor vs. ódio. Na verdade, trata-se de um fruto único que tem vindo a ganhar cada vez mais popularidade em Portugal. Existem muitas razões para experimentar cultiva-lo na sua horta.

A pera-melão, também é conhecida por outros nomes populares como, Melão-andino, Pepino-melão e Muricato (Brasil). Os nomes variam de país para país. Trata-se de uma planta com origem nos Andes, mais especificamente das regiões montanhosas do Peru, Equador e Colômbia. A sua história remonta a milhares de anos atrás. Sabe-se que já era cultivada pelos povos indígenas muito antes da chegada dos colonizadores europeus à América do Sul. Atualmente, é cultivada não apenas em sua região nativa, mas também em muitos outros países com climas semelhantes, incluindo partes da Europa, Ásia e América do Norte.

Características da pera-melão

Pertencente à família das Solanáceas que incluiu os Tomates, Batatas, Pimentos e Beringelas, a pera-melão apresenta as seguintes características:

Crescimento: É uma planta perene de crescimento arbustivo que tende a crescer de 60 a 120 centímetros pode atingir alturas de até 150 centímetros ou mais quando cultivada em condições ideais. Os ramos são lenhosos na base e mais herbáceos nas extremidades.

Folhas: As folhas são grandes, alternadas e profundamente lobadas, com bordas serrilhadas. Elas possuem uma coloração verde vibrante e uma textura ligeiramente veludosa na face inferior.

Flores: As flores são pequenas, tem cinco pétalas brancas com listras roxas e surgem em inflorescências axilares. Elas são solitárias ou agrupadas em pequenos cachos e possuem um perfume delicado.

Frutos: Os frutos são o principal atrativo da planta. Eles são ovais ou em forma de pêra, com uma casca fina e lisa, variando de cor de verde a amarelo e roxo, dependendo do grau de maturação. A polpa do fruto é suculenta, com uma textura macia e uma doçura delicada, semelhante ao melão. O sabor é refrescante. Como se ao mesmo tempo estivéssemos a comer uma meloa e um pepino.

Raízes: As raízes são relativamente superficiais e fibrosas, o que permite que a planta seja cultivada em vasos ou recipientes com facilidade.

Flores de Pera-melão e frutos em fase inicial
Flores de Pera-melão e frutos em fase inicial

Como cultivar Pera-melão

Embora possa exigir certos cuidados, o cultivo doméstico de pera-melão, pode ser facilmente realizado em espaços limitados, como pequenas hortas, varandas ou até mesmo em vasos.

Clima
Prefere climas temperados, com temperaturas que variam entre 15°C e 25°C. Depois de bem estabelecida, a planta consegue suportar invernos amenos. Em zonas de geadas, pode acorrer a queimas das folhas que normalmente voltam a rebentar na primavera com a subida das temperaturas. Se na zona onde vive, os invernos são muito frios, é aconselhável proteger as plantas com manta térmica ou outro meio apropriado.

A exposição ao sol direto por pelo menos seis horas diárias é crucial para o desenvolvimento saudável das plantas e a formação de frutos de qualidade. Temperatura muito acima dos 25°C, podem prejudicar a planta em especial na fase de floração. No caso de morar numa zona onde habitualmente as temperaturas são elevadas, escolha cultivar num local sem exposição plena, com meia-sombra.

Solo
A pera-melão pode ser cultivada em solo arenoso ou mesmo argiloso. Deve ser drenado e rico em matéria orgânica, mas não em excesso. Um nível de fertilidade elevado pode estimular o crescimento excessivo das folhas e prejudicar o desenvolvimento e a qualidade dos frutos, além de um aumento nos problemas de pragas. A faixa de pH ideal para o cultivo da pera-melão está entre 6,0 e 7,0, ou seja, ligeiramente ácido a neutro. Este intervalo proporciona condições adequadas para a absorção de nutrientes pelas raízes e para o desenvolvimento saudável da planta.

Como plantar ou semear

Pode optar por comprar mudas já prontas a serem plantadas. Algumas já vêm com frutos desenvolvidos. Encontram-se em hortos e feiras regionais/semanais.

Se desejar fazer o trabalho desde o início, pode tentar a propagação por estaca. As estacas enraízam muito facilmente e rapidamente em ambiente protegido e vasos com um bom substrato. Nas plantas já bem estabelecidas, é possível encontrar ramos com raízes expostas junto ao solo. Arranque-as com cuidado e coloque num vaso.

As estacas colhidas devem ter de 8 a 15 cm, deixando 4 ou 5 folhas na extremidade superior. antes de plantar em local definitivo, certifique-se que as plantas sejam grandes o suficiente para começar a florescer logo após o plantio. A fruta terá então tempo para crescer e amadurecer durante os meses quentes de verão. 

A sementeira também é possível, mas nem sempre será bem-sucedida. Vai depender da qualidade das sementes. Na nossa experiência, a percentagem de sucesso é muita mais elevada do que a de insucesso.

Mudas de Pera-melão. Sementeira doméstica.
Mudas de Pera-melão. Sementeira doméstica.

Faça pequenos sulcos rasos no substrato, com cerca de 0,5 a 1 cm de profundidade e coloque as sementes espaçadas uniformemente ao longo dos sulcos, deixando cerca de 2 a 3 cm de espaço entre elas. Cubra levemente as sementes com uma fina camada de substrato peneirado ou vermiculita para protegê-las e manter a umidade. Pressione suavemente o substrato para garantir um bom contato entre as sementes e o solo.

Regue cuidadosamente com um borrifador o substrato para garantir que fique uniformemente húmido, mas não encharcado. Coloque as bandejas ou recipientes de sementes em um local com luz indireta e temperatura estável, idealmente em torno de 20-25°C. Mantenha o substrato húmido, regando conforme necessário para evitar que ele seque.

As sementes geralmente germinam entre 10 a 20 dias, dependendo das condições de temperatura e humidade. Quando as mudas estiverem grandes o suficiente para serem manuseadas, geralmente com 4 a 6 folhas verdadeiras, elas podem ser transplantadas para recipientes maiores. As plantas propagadas por sementes demoram mais para se desenvolverem.

Cuidados e manutenção da pera-melão

Durante o período de crescimento da pera-melão, é importante manter o solo uniformemente húmido, sem permitir que fique encharcado, regando regularmente as plantas. São bastante sensíveis ao stress hídrico pois o seu sistema radicular se espalha superficialmente pelo solo. A fertilização da pera-melão deve ser feita com aplicação de fertilizantes orgânicos, como composto ou esterco bem curtido.

É crucial fornecer suportes às plantas para garantir que possam sustentar o peso dos frutos, especialmente porque seu crescimento é parcialmente vertical, e à medida que se desenvolvem os frutos podem atingir um peso considerável causando o tombamento dos ramos. Os frutos não devem estar em contacto com o solo, especialmente na fase de maturação. Além disso, é essencial, sobretudo no início da primavera, podar os galhos que sofreram danos causados pelo frio do inverno, visando promover um crescimento saudável.

A planta é afetada por algumas doenças que também afetam o tomate e outras solanáceas, incluindo manchas bacterianas, antracnose, alternaria e podridão dos frutos. É recomendável monitorizar a presença de doenças, tomando medidas preventivas, como o uso de produtos naturais ou a rotação de culturas, para manter as plantas saudáveis e livres de danos.

Quanto a pragas, a pera-melão pode ser atacada por ácaros, especialmente o ácaro-rajado (Tetranychus urticae), cochonilha, mosca-branca, tripes, afídeos, percevejos, lagartas e a que mais nos incomoda nas nossas plantas, os caracóis e as lesmas, em especial nos frutos maduros ou com alguma ferida.

Frutos maduros de pera-melão
Frutos maduros de pera-melão

Colheita e Consumo

Os frutos estão prontos para a colheita quando atingem sua cor característica e cedem ligeiramente ao toque. Geralmente, isso ocorre entre 70 a 90 dias após o plantio, dependendo das condições de cultivo e do clima. Uma vez colhidos, os frutos podem ser consumidos frescos, adicionados a saladas de frutas ou utilizados como ingrediente principal em sobremesas e bebidas. As sementes são comestíveis.

Não podem ser guardados na frigorifico pois, com o frio, rapidamente perdem o sabor e ficam moles. À temperatura ambiente, permanecem frescos por algumas semanas. Podem ser colhidos ainda verdes e deixar amadurecer em casa. Não os coma ainda verdes.

Valor Nutricional

A pera-melão tem um baixo valor nutricional, mas é dotada de fito nutrientes, antioxidantes, fibras alimentares, minerais e vitaminas benéficas à saúde. Contém 29 mg por 100 g de vitamina C que é importante para o sistema imunológico, e também fornece quantidades significativas de vitamina A, vitamina B6, vitamina K, potássio e outros nutrientes.

É uma boa fonte de fibras dietéticas, que são importantes para a saúde digestiva e de antioxidantes, como flavonoides e carotenoides. Também é reconhecida pelas suas propriedades diuréticas, provavelmente pelo seu elevado teor de água (92%).

Partilhe este artigo

Quiz Hortas Biológicas

20 perguntas para avaliar os seus conhecimentos sobre horticultura biológica

Mais Recentes
Quiz Hortas Biológicas

20 perguntas para avaliar os seus conhecimentos sobre horticultura biológica

newsletter

Preencha os campos abaixo para se inscrever na nossa newsletter

Mais Populares
categorias