Logo Hortas Biológicas

Como cultivar Cebolinho

Como cultivar cebolinho
O cebolinho destaca-se por ser fácil de cultivar, resistente, saboroso e de usos muito diversos. Conheça as vantagens de o ter na horta.
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on email

O cebolinho é uma planta que se destaca por ser fácil de cultivar, generosa, resistente, saborosa e de usos muito diversos. Tanto se dá num vaso no parapeito de uma janela como num pátio ou numa horta. Também pode ser cultivado num canteiro de flores ou nos rebordos do jardim. Deixamos de seguida indicações de como cultivar cebolinho e outras curiosidades sobre esta planta.

É uma planta perene com folhas muito finas, altas, verdes e cilíndricas. Membro da família da cebola, o cebolinho tem um sabor que lembra a cebola, mas muito mais disfarçado. Cresce em aglomerados densos de bolbos delgados, cada bolbo produz folhas tubulares ocas que podem variar entre os 20 a 40 cm. O seu rápido crescimento em altura, permite o corte frequente das folhas.

Partes utilizadas

Utilizam-se as folhas cruas, cozinhadas ou secas e óleos essenciais

Como cultivar cebolinho

O cebolinho prefere solos férteis, soltos, levemente ácidos e com boa drenagem, devendo evitar-se solos com texturas pesadas e mal drenados. Gosta de boa exposição solar. Contudo, em zonas com verões muito quentes, é recomendável cultivar em locais com sombra parcial.

Evite fertilizar o solo em demasia. Quantidades razoáveis de composto no Outono são suficientes. A rega deve ser regular para evitar períodos de seca que afetam muito a planta.

A sementeira deve ser feita na Primavera e de seguida transplantado para a horta. Pode ser uma boa opção comprar o cebolinho em pequenos vasos e depois transplantar para o local definitivo na horta. Nesses casos, molhe bem o torrão de terra da raiz antes de o transplantar. Durante os dois primeiros meses após o transplante é essencial fazer o controle de infestantes devido à baixa competitividade do cebolinho na fase inicial do seu desenvolvimento.

O empalhamento é desejável, já que o cebolinho aprecia solos frescos. Além disso, ajuda a neutralizar as ervas daninhas. A cada três anos, desenterre a planta e separe as várias pequenas plântulas, de modo a garantir plantas viçosas.

A colheita pode ser feita todo o ano. Use uma tesoura ou uma faca para cortar as folhas. O corte das folhas garante uma continuação de folhas jovens e previne a floração. As flores surgem no Verão e devem ser colhidas regularmente para que as novas folhas possam rebentar.

Em climas amenos as folhas podem permanecer sempre verdes e prontas a colher. Embora resista a temperaturas muito baixas, a folhagem pode desaparecer em regiões com invernos severos, mas torna a surgir no ano seguinte.

Consociação

Favorável: Cenoura, Beterraba, Groselha, Morango, Macieira, Tomate e Pepino

Desfavorável: Sem informação

Pragas e Doenças: As pragas mais comuns no cebolinho são larvas da raiz (Delia antiqua) e tripes. As doenças mais comuns são o míldio e a raiz rosa causada pelo fungo Phoma tercostris. A podridão radicular pode ocorrer em solos húmidos e mal drenados.

Na Horta

É um bom companheiro das rosas para as proteger do fungo da mancha negra (Diplocarpon rosae) que ataca também cravos, gladíolos e várias plantas ornamentais. Também tem vantagens em cultivar o cebolinho perto das cenouras já que lhes potencia o sabor e o crescimento bem como afasta a mosca-da-cenoura. Pode ainda ser cultivado perto dos pepinos e das groselhas, pois protege estas culturas contra o Míldio. Cultivar o cebolinho perto das macieiras, ajuda na proteção contra a sarna da macieira (Venturia inaequalis). Além disso, o cebolinho é perfeito para bordar os caminhos na horta e atrai abelhas que são polinizadores importantes. Ao mesmo tempo, tem características que atuam como repelente de insetos prejudicais como os pulgões.

Como cultivar cebolinho

Usos Culinários

O cebolinho é indispensável na gastronomia. Muito usado para adicionar a saladas, sanduíches, patês, queijo fresco e molhos como o molho tártaro. Também serve para aromatizar sopas, carnes, assados, peixes, condimentar queijos, manteigas e omeletes. Pode ser usado cru para decoração de pratos. As flores podem ser utilizadas como guarnição nas saladas.

Usos Medicinais

O cebolinho tem propriedades antioxidantes, estimula o apetite, ajuda na digestão e ajuda a melhorar a circulação sanguínea. É rico em vitaminas K, A, C, sais minerais, enxofre e selénio. Também são conhecidas as propriedades hipertensoras e tonificantes do cebolinho.

Cuidados

O consumo em excesso de cebolinho pode ser toxico para alguns animais como cães, gatos e cavalos. Os sintomas da toxicidade são: vômitos, anemias, sangue na urina, fraqueza, frequência cardíaca alta, respiração ofegante.

Informação cientifica aqui

Partilhe este artigo

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on email
Newsletter
Mais Recentes
Categorias

Ervas Aromáticas

LER